Acecan realizou audiência pública para tratar de mobilidade urbana

CANARANA – A Associação Comercial e Empresarial de Canarana (Acecan), realizou na noite de terça-feira, 02, em sua sede, uma audiência pública para discussão sobre sinalização de trânsito e mobilidade urbana, com a participação e representantes de outras organizações da cidade.

Em discussão interna, os empresários que compõem a Acecan apresentaram algumas propostas. Entre elas uma rota para caminhões, ligando as principais saídas da cidade pelas avenidas São Paulo, Goiás, Paraná e Mato Grosso, para não passar pela avenida Rio Grande do Sul na região central.

Também apresentaram a proposta de se fazer mão única nas ruas Barra do Garças e Tenente Portela na faixa entre a avenida Rio Grande do Sul e a rua Santa Rosa, uma descendo e outra subindo, com estacionamento em oblíquo nos dois lados. A mão única também foi sugerida em todas as travessas da cidade.

Para os freteiros, que hoje ficam no canteiro da avenida Rio Grande do Sul, em frente ao Super Economia, a proposta é que a parada deles seja no canteiro da mesma via em frente à Estação Rodoviária, que fica no centro, mas tem menos movimento.

A Acecan propôs ainda que no lado sul da Av. RS no trecho entre o Super Muller e o Super Economia, o estacionamento seja oblíquo nos dois lados da via. Porém, nos demais trechos e nas demais avenidas, que seja em oblíquo ao lado das quadras e paralelo ao lado do canteiro.

Outra proposta é que sejam utilizados os canteiros das avenidas para estacionamento de motos e de bicicletas, além de retirar as faixas de segurança pintadas na Av. RS e colocá-las nas esquinas dos cruzamentos das avenidas. Se possível, que sejam faixas elevadas. Também foi falado sobre a instalação de semáforos em alguns pontos.

Representantes de outras organizações se manifestaram e deram opiniões. A ata será encaminhada para a Prefeitura Municipal, que fará um estudo das propostas e poderá utilizar as sugestões no plano de mobilidade urbana. Outras audiências públicas poderão ser feitas antes do projeto ser enviado para apreciação dos vereadores.

Algumas questões são polêmicas e existem várias opiniões. Talvez nem tudo poderá ser feito e não será possível agradar a todos. Mas o que se quer é melhorar a mobilidade urbana em Canarana e preparar a cidade para o crescimento. Diante desse ponto, a iniciativa da Acecan foi válida por enriquecer o debate e apresentar sugestões.