Apreensão de drogas cresce 258% nos últimos três anos no Estado

CUIABÁ – As ações qualificadas das Forças de Segurança Pública aumentaram em 258% a apreensão de drogas em Mato Grosso nos últimos três anos. De janeiro a agosto deste ano, 7.196,276 mil quilos de entorpecentes foram apreendidos no Estado, enquanto em 2014, no mesmo período, foram recolhidos 2.011,136 mil quilos. Os dados são da Coordenadoria de Estatística e Análise Criminal, da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp).

Homicídios reduzem 12%

De janeiro a setembro foram registrados 12% de casos a menos de assassinatos em Mato Grosso, em comparação ao mesmo período do ano anterior. Foram 729 homicídios contra 831 no ano anterior. Cinco Regiões Integradas de Segurança Pública (RIPs) – Cuiabá, Sinop, Rondonópolis, Várzea Grande e Nova Mutum – concentram 57% dos homicídios no Estado.

Mais de 6 mil armas apreendidas

O número de apreensões de armas de fogo em Mato Grosso tem aumentado desde 2015. De janeiro a setembro de 2014 foram apreendidas 1.665 e, em 2017, no mesmo período, foram 2.051. Ou seja, 3% a mais ou 386 armas retiradas das ruas e das mãos de criminosos. Ainda de 2015 a 2017 foram apreendidas pelas polícias Militar e Civil 6.305 armas.

Denúncias pelo WhatsApp

Para facilitar o recebimento de denúncias de foragidos da Justiça, na região metropolitana e no interior do Estado, a Gerência Estadual de Polinter, da Polícia Judiciária Civil, coloca à disposição da população um número de celular com aplicativo WhatsApp. As denúncias poderão ser enviadas via aplicativo através do número (65) 9 9933-4614. Todos os dias, equipes da Polinter estarão de plantão para verificação das denúncias recebidas.