Carlos Fávaro se reúne com lideranças em Canarana

CANARANA – O presidente regional do PSD e pré-candidato ao Senado, Carlos Fávaro, ex-vice-governador de Mato Grosso, esteve em visita a seis cidades do Vale do Araguaia, na semana passada. Fávaro tem visitado os municípios do interior, conversando com as lideranças, políticas e empresariais. O objetivo é discutir os problemas de cada localidade e colher sugestões de como resolvê-los, com políticas regionais específicas.

A viagem começou por Querência, na quinta-feira (17), onde o líder político se reuniu com produtores e comerciantes, no Sindicato Rural. Ainda na quinta-feira, à tarde, Fávaro se reuniu com o prefeito de Canarana Fábio Faria e o vice-prefeito Vilson Biguelini, na Prefeitura. No período da noite, a comitiva se reuniu na 1ª Agrovila com o vice-prefeito Vilson Biguelini, vereadores, produtores e empresários.

Nesta sexta (18), o primeiro compromisso foi em Nova Nazaré. Na sequência Carlos Fávaro seguiu para Cocalinho. A agenda de sexta terminou com duas reuniões em Água Boa. A viagem ao Araguaia terminou no sábado, em Nova Xavantina, onde Fávaro participou das comemorações do aniversário da cidade.

Durante os três dias, o presidente regional do PSD, Carlos Fávaro, esteve acompanhado de outras lideranças do partido. Entre elas o vice-prefeito de Cuiabá e pré-candidato a deputado estadual, Niuam Ribeiro, o líder do PSD no Araguaia e também pré-candidato a deputado estadual, Eduardo Moura, e o secretário-geral do partido em Mato Grosso, Stephano do Carmo.

No intervalo entre suas visitas a Querência e Canarana, na quinta-feira, Fávaro foi a Brasília, onde se reuniu com o ministro-chefe da Casa Civil da Presidência da República, Eliseu Padilha (MDB-RS). Entre as pautas discutidas, estavam a Ferrovia de Integração do Centro-Oeste (Fico) e a pavimentação da BR 080 – que faz a ligação de Mato Grosso a Tocantins e a conclusão da BR 242- que liga o Araguaia à região Norte do estado.

Para Fávaro, as demandas são imprescindíveis para garantir o escoamento da produção mato-grossense. Segundo ele, as soluções são imprescindíveis para o fortalecimento do setor. “A minha ida para Brasília foi justamente para falar da ferrovia e de rodovias essenciais para o nosso Estado. Como o maior produtor agropecuário do país, temos que ter logística para chegar a outros estados e países”, enfatizou Fávaro.