FESTIVAL DE JUNINAS ‘Coração Caipira’ vence em casa e leva o título de Melhor Junina de 2018

A Junina ‘Coração Caipira’ de Porto Alegre do Norte foi a grande campeã do maior Festival de Quadrilhas Juninas do Araguaia. Realizado no município de Porto Alegre do Norte, o 4º Festival de Quadrilhas (Festrilha 2018) surpreendeu pelo nível de competitividade das equipes. Prova disso foi o salto de qualidade dado pelo ‘Coração Caipira’ que evoluiu do quarto lugar em 2017, para campeão desta edição.

Com o enredo que conta a estória do casal de noivos, os bonecos ‘Chico e Mariazinha’, que recebem de uma Fada a dádiva de viver o amor em uma noite muito especial, a noite de São João. A busca do casal de bonecos pelo amor, vividos pelos quadrilheiros Tcharlley Matheus e Maria Laura, remontou a um dos enredos mais emocionantes dramatizados durante as três noites da final em Porto Alegre do Norte.

Com o desempenho, o ‘Coração Caipira’ levou para casa o troféu de Melhor Junina e o premio no valor de R$ 19 mil dado ao campeão. Também pertence ao ‘Coração’ o titulo de ‘Melhor Marcador’ de todo o evento, interpretado pelo quadrilheiro Roberval Araújo. O ‘Marcador’ é peça fundamental para garantir o ritmo e a motivação da Quadrilha durante o espetáculo, onde palavras ou frases de efeito, em tons amenos ou mais vibrantes marcam a cadência dos movimentos.

Para o deputado Estadual Baiano Filho, “padrinho” do Movimento Junino, o evento mais uma vez reforçou a importância das atividades de cultura, esporte e lazer como mecanismos de resgate e inclusão social. “Há quem diga que investir na cultura ou no esporte é desperdício de recursos. Concordo que precisamos sim de postos de saúde, de hospitais, de aparato policial, de saúde e de educação, mas para cada real investido na cultura ou no esporte, temos dezenas de reais deixados de investir na necessidade da construção de novas cadeias, também significa menos leitos de UTI, menos vagas no sistema prisional, redução nos custos da saúde e da segurança pública, e certamente, menos mães chorando a perda de seus filhos. Há quem goste de motocross, jeguecross, pescaria, chevcross, rodeio, nós gostamos de quadrilhas juninas”, concluiu Baiano.

Pelo segundo ano consecutivo, o grupo ‘Brilho Junino’ de Barra do Garças levou o titulo de vice-campeão, e o prêmio no valor de R$ 14 mil. Entre os favoritos, a Junina ‘Flor do Sertão’ de Porto Alegre do Norte garantiu o 3º lugar e R$ 9 mil. Em quarto, o grupo ‘Flor do Mamulengo’ de General Carneiro e R$ 5 mil. No quinto lugar, ‘Balancê do Cerrado’ de Nova Xavantina com o premio de R$ 2 mil.

Também concorreram em Porto Alegre do Norte, ocupando as seguintes classificações: 6º lugar ‘Abalantes do Sertão’ de Barra do Garças, 7º ‘Caipiras Unidos’ de Rondonópolis, 8º ‘Os de Fora’ de Tangará da Serra, 9º ‘Os Caipiras do Araguaia’ de Confresa, 10º ‘Matutada’ de Campo Verde, 11º ‘Beija Flor’ de Confresa, 12º ‘Capim de Ouro’ de Canarana, 13º ‘Brilhar do São João’ de Luciara, 14º ‘Pirilampos do Vale’ de Água Boa e 15º ‘Explosão Caipira’ de São Félix do Araguaia.

O Movimento das Quadrilhas Juninas do Araguaia tem o apoio do deputado Estadual Baiano Filho há mais de 15 anos, e tem no parlamentar seu principal articulador para a manutenção do evento. Assim como em 2017, Baiano novamente garantiu para este ano o repasse de R$ 500 mil para a realização do evento. Os recursos são uma parceria do Governo do Estado e emenda parlamentar de Baiano.

Este ano, com a parceria do prefeito Daniel do Lago, Porto Alegre do Norte se tornou a ‘Capital do Movimento Quadrilheiro do Araguaia’ 2018.

O Festival é uma realização da Prefeitura de Porto Alegre do Norte com o apoio técnico da Federação Mato-grossense de Quadrilhas (FMTQ), patrocínio do Governo do Estado e emenda parlamentar do deputado Baiano Filho.