Produção no campo deve movimentar R$ 74 bilhões em MT este ano

CUIABÁ – A produção do agronegócio mato-grossense deverá movimentar R$ 74,8 bilhões este ano. Trata-se do Valor Bruto da Produção (VBP), que considera o volume de produção multiplicado pelo valor de mercado das principais commodities, como soja, milho, algodão, cana-de-açúcar, bovinos, aves, suínos entre outros produtos.

Os dados fazem parte do indicador Conjuntura Econômica do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea). Se concretizada as projeções para o VBP deste ano, o valor será 8% maior que o registrado em 2018, quando as commodities agropecuárias movimentaram cerca de R$ 69 bilhões em Mato Grosso.

O maior crescimento de VBP este ano será com o algodão, que deverá gerar R$ 11,9 bilhões no Estado, um crescimento de 42% sobre o ano passado quando foram R$ 8,4 bilhões.

O maior valor circulante ocorrerá com a soja, que gerará R$ 34,1 bilhões este ano, apenas 1% maior que em 2018, quando foram movimentados R$ 33,8 bilhões com o grão.

Os bovinos deverão movimentar R$ 13,1 bilhões em 2019, 5% a mais que no ano passado, quando foram R$ 12,4 bilhões. Dos 11 setores acompanhados pelo Imea, apenas um deverá ter redução no VBP a ser produzido este ano, totalizando R$ 1,6 bilhão no Estado, sendo R$ 62 milhões a menos que em 2018.

Canarana

Em Canarana, o VPB do agronegócio em 2019 deve superar 1,5 bilhão de reais, puxado pela soja, depois algodão, milho e gergelim.