Após ordem de desintrusão, deputados vão discutir na AL situação de Jarudore

POXORÉU – Os deputados Thiago Silva (MDB) e Delegado Claudinei (PSL) estiveram em Jarudore, em Poxoréu (a 263 km de Cuiabá), e vão levar a discussão em torno da preservação do vilarejo para a Assembleia e ao Governo do Estado.

Na última semana, a publicação de uma decisão da Justiça Federal que estabeleceu a retirada de parte da população do distrito para que a área seja transformada em reserva indígena provocou apreensão entre os moradores.

Thiago destacou que os dois temas são importantes, tanto a preservação da comunidade quanto a criação da reserva indígena. “Entendo a ação proposta pelo Ministério Público Federal (MPF), mas depois que as famílias se constituíram no local, é muito difícil retirá-las, o meio termo a gente pode achar como compensar a reserva em outra localidade que não seja onde estão as pessoas”.

Em vídeo publicado nas redes sociais, Claudinei também expressou que vai apoiar a população de Jarudore e levar a discussão à Assembleia. “A nossa preocupação é social, são quase três mil famílias que moram aqui na região, e para onde essas pessoas vão. A gente sabe que os advogados estão recorrendo da decisão, mas o espaço de tempo é muito curto”.

O distrito de Jarudore é formado basicamente por famílias que vivem da agricultura familiar. O local surgiu ao entorno de garimpos na década de 50. Na mesma época houve criação da reserva indígena dos Bororos. O problema envolvendo a região começou em 1912, com a demarcação feita pelo Marechal Cândido Rondon.