Mulher é vítima de bala perdida em Água Boa

ÁGUA BOA – Uma mulher trafegava pelo bairro Guarujá Expansão no domingo pela manhã, por volta de 9h30, quando foi alvejada por um disparo de arma. O projétil entrou no braço esquerdo da vítima, se alojando no osso.

Elensandra Roberto, 38 anos, trafegava de moto quando sentiu a lesão. Foi feito exame de raio X no Hospital Regional Paulo Alemão, que detectou a bala em seu ombro. Depois do atendimento médico, a mulher acompanhou a guarnição da PM até o local onde foi alvo do tiro.

Os moradores da casa disseram aos policiais que o disparo foi acidental, proveniente de uma espingarda de pressão. Uma mulher ressaltou que estava manuseando a espingarda quando o tiro ocorreu acidentalmente.

A arma, uma espingarda calibre 5.5 foi aprendida pela PM e a suspeita entregue na Delegacia de Polícia. A ficha hospitalar foi anexada ao BO. Elensandra contou à nossa reportagem que primeiro sentiu o impacto e a dor veio em seguida.

Primeiro, ela achou que fosse uma pedrada, mas quando viu o sangue jorrando, correu para o Hospital. Agora, a mulher está aguardando cirurgia para remoção do projétil.