Núcleo da Aprosoja de Canarana realiza visita do programa Agrosolidário

CANARANA – A Aprosoja/MT, através do Programa Agrosolidário, vem realizando de 11 a 25 de março, uma rodada de visitas pelo estado com o intuito de verificar a satisfação das entidades contempladas que estão recebendo a bebida derivada da soja.

O produto é em pó e vem embalado a vácuo, em vários sabores e de fácil preparo. Ele se assemelha ao tradicional leite de vaca e possui um altíssimo poder nutricional.

Em Canarana, a Aprosoja, através do vice-presidente Leste Oldair Sangaletti, do 2º vice-presidente Lino Costa e da supervisora Região Leste Letícia Laabs, esteve na manhã de terça-feira, 19, visitando a APAE de Canarana, onde conversaram com a diretora Maria Cristina, que relatou a satisfação e a alegria dos alunos estarem recebendo o produto.

“Eu estou há três anos aqui na direção da APAE e nós estamos recebendo regularmente e gratuitamente este estrato de soja, que é um suplemento alimentar e que vem fazendo um grande benefício para cerca de 110 alunos excepcionais. Temos vários deles que possuem tolerância a lactose e glúten e que dependem exclusivamente deste produto para completar a sua alimentação. Inclusive, em determinados dias, nós deixamos eles levarem para as suas casas os sabores que eles mais gostam”, disse Maria Cristina.

O vice-presidente Leste Oldair Sangaletti destacou a importância do programa e a alegria de estar vendo os benefícios que o produto trás para os alunos. “A Aprosoja desenvolveu com muito sucesso e grande valia este programa, que há mais de dez anos vem beneficiando as comunidades no interior do estado e, aqui em Canarana não é diferente. É maravilhoso ver a satisfação dos alunos excepcionais, como também da direção da entidade e saber que a Aprosoja faz parte do dia-a-dia destas pessoas. A Aprosoja também continua investindo em ações sociais como o Hospital do Câncer de Cuiabá, onde construiu uma ala pediátrica que já vem atendendo centenas de pessoas”.

O 2º vice-presidente Leste Lino Costa também destacou a importância do programa. Ele disse que o montante investido é bastante significativo e que é oriundo da tributação dos produtores do estado de Mato Grosso. “É terminantemente proibida a comercialização deste produto. Caso alguém queira adquiri-lo, deverá entrar em contato com a Aprosoja que a mesma estará fornecendo o contato da empresa terceirizada para consegui-lo de forma comercial”.

Para o cadastro de novas instituições e o recebimento da bebida de soja, os interessados deverão utilizar um formulário que é fornecido através de um link que está disponível no site da Aprosoja. Depois de preenchido, deverão encaminhá-lo para o e-mail [email protected] As instituições serão avaliadas para o recebimento deste apoio. Para mais informações ligar para a Gerência de Relacionamento no número (65) 3644-4215.