Suspeito de estuprar e matar adolescente em Campinápolis é preso no Pará

SANTANA DO ARAGUAIA, PA – A Polícia Civil do Pará, com apoio integral da Polícia Civil de Mato Grosso, prendeu na quinta-feira, 07, o suspeito Lauro Iork Ferreira Martins. As forças policiais cumpriram mandado de prisão expedido pela justiça de Mato Grosso.

O suspeito é acusado de estupro seguido de homicídio da adolescente Lorena Maria Rosa da Silva, 16 anos na época do crime. O suspeito estava foragido desde dezembro de 2.018, mas estava sendo monitorado por cerca de 4 meses pela Polícia Civil de Mato Grosso.

A investigação foi conduzida pela Polícia Civil de Campinápolis e Núcleo de Inteligência da Delegacia Regional de Polícia de Água Boa. O suspeito foi identificado na Delegacia de Santana do Araguaia e, depois, transferido para a Penitenciária Regional Major Zuzi de Água Boa, onde ficará à disposição da justiça.

Homicídio

O crime ocorreu no dia de natal – 25 de dezembro de 2014, e chocou a pacata cidade de Campinápolis. Lorena foi encontrada seminua e com ferimentos na cabeça e pescoço. O corpo da adolescente foi localizado pelo próprio pai. A garota havia saído de casa na noite anterior para pegar sinal de internet (wifi).

Lorena tinha hábito de ir ao centro da cidade e foi justamente nesse lugar que a garota foi abordada pelo criminoso. Ao notar que a filha não retornou para casa, o pai saiu à sua procura, encontrando a garota no terreno de uma igreja. A crueldade praticada contra a garota foi um choque.